1346 Views |  1

Pequenas grandes mulheres: um outro tipo de garota FDP.

Ser fora do padrão, mas o que é isso??!! Que padrão é esse?!

Bem, de acordo com o dicionário a palavra padrão significa modelo a ser seguido, modelo oficial de medida. Até aí tudo bem, mas quem dita o padrão? Não sei essa resposta, mas arrisco dizer que a mídia, o capitalismo, a industrialização? Essa é uma questão que não temos como saber, mas o  “X” da questão é que as mulheres #ForadoPadrão são muito mais numerosas do que as mulheres no “padrão”.

Nunca havia me questionado sobre isso até crescer, ops, ser adulta (para evitar piadinhas). Digo isso porque hoje sou uma adulta de estatura baixa, por isso, tenho que tomar cuidado com esse tipo de frase. Exclusivamente por isso, estou fora do padrão.

De criança, tudo era brincadeira, os apelidos, as brincadeiras, meu olhar de ingenuidade não permitia ver algumas coisas, mas já adulta percebia o tratamento diferenciado entre eu e as pessoas altas. O que jamais poderia acreditar era que meu tamanho interferia na minha opinião que os outras faziam sobre meu pessoal ou profissional.

Vocês podem dizer: Ela está mentindo, os homens adoram as baixinhas. Bem, isso pode até acontecer, alguns homens possuem esse fetiche. Consideramos que ser compacta e admiradas por alguns homens seja um elogio perante muitos preconceitos velados.

Já de criança sentia dificuldades em comprar roupas para sua idade e isso só agravou quando se tornou adulta. Os obstáculos não paravam por aí, dificuldades de subir em transportes públicos, alcançar prateleiras, dirigir carro, levar cotoveladas quando alguém na sua frente resolve mexer os braços, ter caibras por não ter cadeiras do nosso tamanho e etc. Mas isso tiramos de letra com muita criatividade e bom humor. Já quando olhares e atitudes de preconceito são sentidas, não temos muito o que fazer.

Por vezes mostramos ser “rudes”, usamos sapatos de salto altíssimo, roupas muito formais para que sejam respeitadas à primeira vista. Infelizmente, nos dias de hoje, a primeira impressão rotula, julga e até excluí.

Sei que nós, as” fora do padrão”, somos infinitamente mais numerosas, aqui estão inclusas as plus size, as de cabelo enrolado, as muito magras, as de cabelo colorido e nós, as mulheres baixas e pasmem- se… até as “padrão” que a todo momento precisam mostrar que são inteligentes etc.

Então me pergunto, porque tanto preconceito já que TODAS NÓS, somos fora do padrão.

É preciso abrir os olhos do coração para ver que o padrão é apenas uma manipulação, então paremos de ferir as pessoas e olhem para o que realmente elas têm a oferecer.

Eu como representante das baixinhas digo que: posso sim impor respeito, posso sim coordenar pessoas, não é meu tamanho que me apresenta.

Por isso, criei um canal no Instagram @MulheresPequenas um local onde podemos ver uma moda mais inclusiva, reflexões entre outras coisas para as mulheres, mas principalmente para valorizar as mulheres pequenas.

Lisandra D’Auria 

A Lisandra é nossa leitora e enviou esse texto incrível pra gente. Quer dar o seu depoimento também? Envie para o nosso e-mail garotasfdp@gmail.com 🙂