65459 Views |  2

Saia de tule: libertando a bailarina fashionista que existe em você

Saia de tule era o meu desejo de infância. Aquela vibe bailarina sempre me encantou. Nunca fiz balé: gorda demais praquilo. Apesar da dança não me apetecer, sempre quis aquela saia rodada e rosa.

Cresci então com a ideia de que sempre seria gorda demais para uma saia de tule. De dois anos pra cá, ela ganhou o coração das fashionistas. Veio em vários comprimentos, desde as mais curtinhas até as que alcançam os pés.

E eu aqui, achando que seria demais para mim, já que tenho de bunda o que a Ana Hickmann tem de pernas. Até que começamos o Garotas FDP, esse projeto que construímos diariamente com vocês, leitoras, e entre nós mesmas, essas quatro irmãs que se ajudam todos os dias a encarar o espelho e amar o que estão vendo.

Tomei coragem então de procurar uma saia de tule para mim. Como eu queria para usar no Minas Trend e não encontrava nada para compra imediata, pedi à Dina, da UPSY, que fizesse uma para mim. E ela topou na hora esse projeto especial.

O resultado me fez querer usar minha saia todos os dias. Se deixar, vou com ela até à padaria. E mais: me fez querer experimentar coisas novas todos os dias, principalmente as que eu sempre quis ter e me privava por achar que meu corpo não era para aquilo.

15225395_1617538788260027_114949382_o

Vamos nos inspirar? Vejam as plus que já desfilaram de saia de tule por aí:

20140424_plus-size-1

tutu

overlicious-saia-de-tule-plus-size-7

f6a915ede9d140bdc65acec5aec52d29

plussizeprincess-full01

saia-bailarina-1

Você não precisa gostar necessariamente da saia de tule para você. Mas experimente algo novo: seja um cropped, uma calça branca, uma saia rodada ou um vestido justinho. A sensação é libertadora.

Beijos e mais beijos da bailarina gótica aqui! <3

Por Mariana Cyrne